Os bairros do Recreio, Vargens, Barra, Barra de Guaratiba, entre outros, acabam de ganhar uma Central de Monitoramento. O projeto é resultado de iniciativa da sociedade civil organizada, marcando o início da atividade da nova Associação Comunitária Bairro Seguro (ACBS) e trabalhará em parceria com a prefeitura, que viabiliza mais de 100 câmeras instaladas nas ruas, identificando pontos frágeis.

“O gasto público com Segurança costuma ser concentrado em reforço de equipes e turnos, viaturas, equipamentos, além de estruturas de delegacias e carceragem. A iniciativa dos empresários da região visa contribuir na área da inteligência e prevenção”, explica o coordenador do projeto, Rodrigo Taveira, sócio diretor do grupo Unicad, que assina a área técnica da Central de Monitoramento.

A iniciativa foi viabilizada por investimento privado, com o apoio das associações comerciais do bairro, como a Associação Brasileira de Indústria de Hotéis do Estado do Rio de Janeiro (ABIH-RJ); Rio Convention & Visitors Bureau; Barralerta; Acibarra; Acir Transoeste; Amar; e Câmara Comunitária da Barra da Tijuca.

O projeto pretende dar mais segurança aos moradores, comerciantes locais e turistas, já que a região que engloba a 31ª Área Integrada de Segurança Pública (AISP) desponta como um novo e importante polo turístico e cultural do Rio de Janeiro. A Central de Monitoramento é uma plataforma online de informações de segurança que permite o acompanhamento de imagens 24 horas por dia.

 

Imagem: Divulgação