Finalmente é carnaval e a folia está instaurada na cidade. Mas, acompanhada de toda a festança, a saúde deve estar sempre em primeiro lugar. Com muito calor e exagero na bebida, o perigo de desidratação e outros prejuízos ao bem-estar podem acabar de vez com a festa. Pedimos a especialistas para listarem algumas dicas cruciais para não fazer feio no carnaval e aproveitar muito a festa. Confira:

– Não esqueça de fracionar as refeições respeitando os intervalos. Leve opções fáceis de consumir para comer durante os bailes, blocos e festas, como: barrinhas, sanduiches (com recheios pouco perecíveis ao calor), frutas, cookies integrais, snacks saudáveis (opções de frutas desidratadas, castanhas que são fáceis de transportar e não estragam com facilidade). Caso não consiga levar de casa, existem hoje diversas opções saudáveis nas ruas, mas fique atento ao modo de preparo dos pratos. Evite opções gordurosas e “pesadas”. Além disso, você pode encontrar opções de hortifrúti, mercados e lojinhas de produtos naturais em seu trajeto pelos blocos e fazer uma comprinha rápida para manter o plano alimentar – dica da nutricionista Fernanda Marques.

– Para as pessoas que vão consumir bebidas alcoólicas no carnaval, a recomendação é que já comece anteriormente a beber água de coco e isotônicos, intercalando bebida com água, águas aromatizadas, para que não ocorra uma desidratação mais acelerada pelo calor e pelo álcool – dica da médica ortomolecular e clínica geral Márcia Umbelino.

– Troque refrigerantes e energéticos por sucos naturais e estimulantes. O café, chá verde, matchá, guaraná, quando usados nas quantidades indicadas são tão energizante quanto as opções concentradas, mas artificiais. – dica da nutricionista Fernanda Marques.

– Se você for uma pessoa comum, que não pratica atividade física ao ar livre, ou pratica atividade física em um nível mais elevado, as bebidas isotônicas, água de coco, mate, gelatina, sorvetes, picolés, são dicas boas para uma hidratação – dica Dra. Márcia Umbelino.

– Se for possível, faça todas as refeições que já possui hábito para o corpo não estranhar, fazendo um almoço bem colorido com salada, verduras verde-escuras, carne sem gordura, e batata doce ou arroz integral, mas caso não tenha como, leve na bolsa: castanhas, frutas e barras de proteína e barra de cereal com fibras – dica da nutricionista Waleska Silveira.

 

Imagem: https://goo.gl/images/quMq7M