Texto: Adriana Araujo

“A Equoterapia é um método terapêutico que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e esporte, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência. É um método que exige a participação do corpo inteiro, contribuindo, assim, para o desenvolvimento da força muscular, relaxamento, conscientização do próprio corpo, construção da subjetividade e aperfeiçoamento da coordenação motora e do equilíbrio”, explica a capitã Cristiane Magalhães, fonoaudióloga da equipe do projeto.

Criado há mais de 20 anos, o projeto de equoterapia do Regimento de Polícia Montada Coronel PM Enyr Cony dos Santos, localizado em Campo Grande, já realizou cerca de 15.000 atendimentos e atende hoje 98 praticantes, entre adultos e crianças, a partir de três anos de idade. O público é de militares, dependentes e sociedade civil, com diferentes diagnósticos. Os pacientes tem atendimento completo no local, com equipe formada por psicólogos, fonoaudiólogos, pedagogos, professores de educação física, fisioterapeutas e auxiliares guia.

Um dos beneficiados do projeto é o menino André Leonardo da Cruz, de sete anos, que começou o tratamento no local há um ano e cinco meses. Segundo Carla da Cruz, mãe do menino, que é autista, o tratamento tem sido muito eficaz e trazido bem-estar para a vida da criança.

“Os resultados foram excelentes, Léo ficou mais calmo, passou a interagir mais, a falar mais. Ele fica imensamente feliz em praticar a equoterapia, adora os cavalos. Os terapeutas são muito carinhosos com ele, pacientes, são muito dedicados e atenciosos”, relata Carla.

Para participar do projeto, que é totalmente gratuito, os interessados devem ligar para o telefone 2333-6724, às segundas, quartas e sextas-feiras, no horário de expediente, e deixar o nome na lista de espera.

“Por ser totalmente gratuito e com equipe capacitada, o projeto possui uma procura muito grande pela população que necessita de tratamento equoterapêutico, população esta que não tem condições de pagar, uma vez que essa terapia possui altos valores. Muitos serviços e médicos, que constatam a evolução de seus pacientes após iniciarem a Equoterapia, tem feito encaminhamentos para nosso Centro, aumentando a cada dia a nossa demanda, nos tornando referência nesse tipo de atendimento”, avalia a capitã Catia Simonato, psicóloga da equipe.

“Oferecemos atendimento nas três modalidades de Equoterapia: Hipoterapia, Educação-Reeducação e Pré-Esportivo e somos também pioneiros no tratamento a policiais militares adoecidos pelo trabalho policial militar através da Terapia Assistida com Cavalos em Liberdade, a TACPM, terapia oferecida por alguns países europeus e os governos da Colômbia e dos Estados Unidos aos seus veteranos de guerra” conclui a capitã Cristiane Magalhães.

Serviço:

Projeto de Equoterapia do Regimento de Polícia Montada Coronel PM Enyr Cony dos Santos

Endereço: Av. dos Estados, s/n – Campo Grande – Telefone: (21)2333-6766

Funcionamento: ​​​​​​Segundas, quartas e sextas de 8h às 18h

Imagem: Clarice Castro – http://www.rj.gov.br/web/imprensa/exibeconteudo?article-id=1843521