No dia 23 de abril, domingo, comemora-se o dia mundial do escoteiro. E no sábado (22), o 59º Grupo Escoteiro Atalaia, locado em Campo Grande, promove uma série de atividades para contar um pouco mais a história do escotismo e sua importância na região. Com a presença de diversos grupos de crianças e adolescentes, a atividade é aberta e acontece de 9h às 12h, no Centro Esportivo Miécimo da Silva (CEMS).

“O nosso propósito é contribuir para que jovens assumam seu próprio desenvolvimento, especialmente do caráter ajudando-os a realizar suas plenas potencialidades físicas, intelectuais, sociais, afetivas e espirituais, como cidadãos responsáveis, participantes e úteis em suas comunidades”, afirma Renato Galves, presidente do grupo.

O grupo Atalaia foi fundado em 22 de julho de 1962 por membros da Congregação Mariana, na Igreja Nossa Senhora da Conceição e São José, em Engenho de Dentro. Em 2011, sob presidência do Chefe Insígnia de Madeira (IM) Renato Galves, o grupo foi transferido para Campo Grande, bairro onde realiza suas atividades aos sábados, no CEMS.

Os jovens, de 6,5 à 20 anos, participam de jogos, aprendem sempre coisas novas e se divertem com um grupo de amigos. Todas as atividades são supervisionadas por adultos capacitados para a correta aplicação do Projeto Educativo do Movimento Escoteiro. Os encontros duram cerca de quatro horas. Saiba mais: http://www.escoteiros.org.br e http://www.escoteirosatalaia.org. 

 

Foto: Divulgação